Análise The Lord of the Rings Online: Riders of Rohan

LOTRO não é propriamente um jogo novo, o motor já mostra idade e foge um pouco já aos jogos modernos. No entanto há coisas que me impressionaram desde a primeira vez que peguei no MMO da Turbine, a quantidade de conteúdo e o tamanho do mundo. Se nunca jogaram LOTRO não têm sequer noção do que estou a falar, é realmente uma quantidade enorme de quantidade e de atenção ao pormenor como nunca vi antes e tamanho do mapa, é melhor nem falar disso, é provavelmente o maior mapa num jogo do género e se excluírem Minecraft talvez seja o maior mapa num jogo.

Com o lançamento de Riders of Rohan já foram lançados quatro pacotes de expansão. A terceira expansão do jogo, The Rise of Isengard, foi de longe o mais fraco do lote. Então, naturalmente, estava preocupado que Riders of Rohan também seria uma decepção e acabar com meu amor por Senhor dos Anéis Online. Bem, eu estou feliz de informar que Riders of Rohan não é definitivamente mais uma decepção, e também é a melhor expansão desde Moria.

Há uma série de coisas que fazem uma expansão para um MMO um sucesso. Tem que dar aos jogadores novas áreas para explorar, tem que dar aos jogadores uma razão para realmente querer explorar essas áreas, tem que manter o núcleo do jogo, enquanto, ao mesmo tempo acrescentando elementos novos que irão manter os jogadores interessados ​​para mais algumas centenas de horas. Riders of Rohan faz tudo isso e muito mais, dando-nos uma continuação do enredo excelente, um toda uma mecânica nova no jogo com o combate montado, uma banda sonora totalmente nova, cinco novas zonas para explorar, um novo nível máximo, uma cidade que é personalizável pelos jogadores, uma atmosfera que supera a maioria dos outros MMOs, e mais Tolkien do que nunca.

Vamos começar com o que há de novo. Uma vez que este é Rohan estamos a falar, da casa dos senhores dos cavalos, e a Turbine adicionou combate montado ao jogo. A pergunta óbvia é que o combate montado, funciona num MMO baseado em combate a pé? O combate montado age muito diferente do combate tradicional, mas funciona. A ideia por trás de todo o combate montado é que estão constantemente em movimento enquanto lutam, perseguem um inimigo, ou fogem. Naturalmente, isso significa que quanto mais rápido a montada se move mais danos vão dar.

A fim de simplificar todo o trabalho de se mover, atacar,  e câmara, a  Turbine deu-nos a opção de usar um recurso de piloto automático para as nossas montadas. Activando o piloto automático, a montada irá automaticamente mover-se até perto de um adversário para o atacar. Há também uma função de câmara automática que irá manter a câmara focada no alvo. Libertando o jogador para preocupar apenas com os ataques. O combate montado tem uma curva de aprendizagem maior que o restante jogo. Os cavalos de guerra são muito mais realistas e não são tão ágeis como as montadas usadas nas viagens tradicionais. Ao final de uma hora de jogo começam a dominar o cavalo de combate.

A recompensa é que o cavalo de guerra é uma ferramenta poderosa. Existem três tipos diferentes destes cavalos, pesados, médios, e leves. Como podem imaginar cada tipo tem uma função diferente no jogo. Eles têm também três ramos de habilidades diferentes para escolher. No total, podem atingir o nível 50 e no momento em que chegarem lá eles são uma ferramenta muito poderosa. Eles podem correr muito mais rápido do que a nossa montada tradicional e os danos que dão podem ser significativos.

Perto do fim da expansão com a cidade de Hytbold encontram a outra novidade principal. Neste ponto do Senhor dos Anéis Rohan está prestes a ser atacada por forças de Sarumon e, como resultado, a maioria das cidades do interior já estão sob cerco. Hytbold é uma daquelas cidades que foi incendiada por Orcs. O nosso trabalho como o jogador é ajudar a reconstruir a cidade. Podem fazer isso a viajar em todas as zonas novas completando missões geradas aleatoriamente que lhe dão Hytbolt tokens. Estes sinais podem ser utilizados para completar um total de 162 diferentes opções de construção em Hytbold. Se acham que a cidade deve ter uma serraria totalmente atualizada então podem concluir uma. O que é óptimo sobre Hytbold é que é uma área pública que todos podem ir, mas as mudanças que fazem na cidade são exclusivas para nós e só podem ser vistos e utilizados pela nossa personagem.

Um outro benefício de Hytbold é que podem usar os tokens para trocar por armaduras nível RAID. Cada classe tem três conjuntos de armaduras diferentes que podem desbloquear e trocar. No entanto, desbloquear as peças de armadura requer reconstruir partes muito específicas da cidade . Essencialmente, o que fez Turbine foi criar conteúdo final do jogo desenhado com o jogador sozinho em mente.

A longevidade do jogo e a quantidade de jogadores  comprometidos com o jogo mostra que Turbine está a fazer algo certo, mas ainda assim, há sempre espaço para melhorias no sistema antigo. Com isso em mente,a Turbine introduziu várias coisas de qualidade que tornam o jogo mais agradável. O primeiro e provavelmente o mais importante é que todos os inimigos na expansão estão sujeitos a um novo sistema. Isso significa que qualquer um que ataque um inimigo irá obter crédito na morte e drops próprios, independentemente de quem acertar no inimigo primeiro e se estão num grupo ou não. Este tipo de sistema  incentiva os jogadores a trabalhar em conjunto.

Outra mudança que fizeram é que o jogo tem agora um saque automático após cada morte. Não têm que correr até um inimigo morto e clicar sobre eles para recuperar os itens. Em vez disso tudo é colocado automaticamente numa janela de drops temporária que podem ir para de vez em quando e escolher as coisas que desejam manter.

A última mudança grande que eu quero falar é o sistema de busca. Muitas quests agora vão ficar disponíveis simplesmente caminhando perto da área onde a missão se realiza. Uma vez concluída, podem terminar a missão e obter as recompensas clicando na janela. Isto reduz a necessidade de constantemente correr e procurar quests. É claro que ainda existem NPCs com quests em cada cidade, mas eles são usados ​​principalmente para promover a história e enviá-lo para novas áreas no mapa onde as quests vão aparecer.

Uma coisa que LOTRO sempre fez muito bem é contar uma história. Rohan não é excepção e com Rohan a Turbine realmente elevou o seu jogo. Em Senhor do Anéis Online há um enredo épico em curso, que geralmente não segue o caminho da irmandade do anel, mas mostra-lhe o que estava a acontecer à sua volta. Rohan acrescenta três novos livros para o enredo épico, começando com o Livro 3 7. Desta vez os jogadores realmente começam a jogar com Frodo e Boromir. Os jogadores são enviados por Lady Galadriel para tentar descobrir onde Aragorn foi, e são naturalmente enviado em um curso para Rohan. O enredo épico de Rohan é longo e, definitivamente, prepara o terreno para o próximo volume.

Com esta expansão é todo o conteúdo de história lateral que realmente melhorou. Cada uma e cada grande cidade que podem visitar em Rohan terá sua própria história cheia de aventuras. A maioria delas consiste em lidar com a invasão Orc que se aproxima, mas são únicas à sua maneira. Cada cidade é dirigida por um “Thane” e cada Thane tem a sua própria personalidade e objetivos. Completando cada missão em cada cidade é a única forma real de ver todas as histórias  e cria um sistema onde vão querer  ver o que acontece em seguida.

Se não jogam Senhor dos Anéis Online à algum tempo, então Rohan é a desculpa perfeita para lhe pegar novamente. Se nunca jogaram então não à melhor altura para começar. Tem alguns problemas, paredes invisíveis nas lutas a cavalo e grande parte do conteúdo novo tem apenas jogadores sozinhos em mente. O grafismo começa a mostrar idade e o motor de jogo também, no entanto à tantas razões para jogar LOTRO, o conteúdo é enorme e Rohan só vem aumentar isso.

9/10

Tiago Roque

Leave A Comment