Análise: Scéal

Scéal é um jogo de aventura sobre uma jovem que morreu e está a tentar descobrir o que aconteceu com ela. Ela terá que pintar edifícios e cada prédio conta uma história sobre o que aconteceu até à sua morte. É um conto simples e interessante, com muita honestidade. Sceal é um jogo de aventura de ponto e clique onde o jogador praticamente flutua em torno da cidade pintando edifícios e progredindo na história, e infelizmente o jogador não fará muito além disso. Podem usar o mapa no canto superior direito para ajudar a encontrar os edifícios para pintar, mas isso é tudo o que podem fazer no jogo porque o jogo está mais focado na sua história do que em jogabilidade.

Os gráficos do jogo são bastante decentes e temos muita variedade aqui, o que é bom. Melhor do que a qualidade medida em resolução ou FPS ou o que quer que seja, o importante aqui é o estilo e o estilo de Scéal é bastante único e portanto original. A banda sonora deste jogo é também um elemento que brilha aqui porque conta a história mais através da sua música, ajudando a criar uma atmosfera diferente, criando em cima da narrativa uma outra camada que juntamente ao grafismo fazem desde um pacote bastante irresistível.

Em conclusão, Scéal é um jogo de aventura decente que gira em torno de sua história e música para realmente capturar seu público. Pelo pequeno preço da compra, o jogador ficará satisfeito e mesmo que não fique, bem, são só 5€. Infelizmente, no lado negativo, o jogo dura apenas cerca de 45 minutos a uma hora, com três finais alternativos diferentes dos quais os jogadores conseguem escolher, mas como normalmente prefiro ficar com um final e dizer, ok esta é a a história do jogo, podem contar com perto de uma hora de jogo.

Tiago Roque

Leave A Comment