Análise: Minecraft: Story Mode Season 2, Episode 4

O quarto episódio da segunda temporada de Minecraft continua o bom trabalho do anterior, mantendo a qualidade sem a elevar.  Esta série não se aprofundou nos detalhes do universo Minecraft, principalmente porque nada é realmente conhecido. O universo existe assim com as personagens e elas agem como se tudo fosse normal. Mas nesta viagem ao submundo que é destaque nesta série oferece uma aventura divertida por toda parte, apesar de não ser superior em qualidade.

Jesse e seus amigos escaparam da prisão do Admin mas nem todos eles fizeram isso, e os jogadores certamente terão que lidar com sua decisão a esse respeito. Mas primeiro precisam de descobrir exatamente onde estão. Abaixo do leito de rocha que deveria marcar o fundo do mundo, o grupo de Jesse descobre um mundo antigo e destruído, onde terão que trabalhar em conjunto para encontrar o caminho de volta.

Este quarto episódio é outra entrada sólida nesta série que superou as expectativas desde a primeira temporada. Embora essa definitivamente não seja a melhor série da Telltale, tendo em conta o que isso poderia ter acabado por sair desta adptação, a série acabou superar as minhas expectativas e certamente a de muitos outros jogadores. A 2 ª temporada aumentou ainda esta sensação, ao mesmo tempo que aprofundou tudo. Não há uma quantidade enorme de conteúdo aqui que se destaque. As histórias acabam por ser previsíveis. Há algumas escolhas intrigantes a serem feitas, mas nada que pareça ter efeitos a longo prazo.

No geral, a história de Minecraft: Story Mode é divertida, mas não supera o que se pode esperar desta série. Alguns dos momentos entre Jesse e Petra são realmente bons e acabam por ser bem menos superficiais do que eu estava à espera. A série continua a sua boa relação com o humor, oferecendo algumas piadas juvenis. Claro, isso é principalmente uma série destinada a jogadores mais jovens, por isso é compreensível, mas o publico adulto acaba por sentir-se um pouco à parte neste aspecto.

Onde o jogo se destaca é em seu design ambiental. A Telltale fez um trabalho excelente em clonar o visual de Minecraft, mas esses últimos episódios realmente se aprofundaram nesse mundo. Os ambientes distópicos que Jesse e amigos encontram abaixo do leito do mundo são sempre interessantes e os pontos de civilização são excelente.  A música também é fantástica, apesar de não ser exatamente o tipo de música que se ouve quando o jogo acaba. É claro, é muito similar à música típica de Minecraft, mas isso é um enorme elogio.

A Telltale mostrou que fez um esforço a resolver os problemas técnicos que afectaram os seus jogos. Esta segunda temporada é realmente sólida em termos técnicos e este é outro ótimo episódio desta longa série. Normalmente a aventuras da TellTale valem a pena e o esforço e tempo que os jogadores investem nos seus jogos é recompensado com qualidade e este promete ser mais um final em grande.

Tiago Roque

Leave A Comment