Análise: Earthworms

Desenvolvido por All Those Moments, Earthworms é um jogo de aventuras point and click focado num detetive que tem um toque paranormal. O jogo inspira-se em filmes e séries como Donnie Darko, Twin Peaks, X-Files ou a recente Stranger Things.

Os ambientes artísticos ficção científica são pintados à mão e surreais e de uma beleza impressionante. Para as conhecer a todas irão demorar cerca de 2 horas dependendo da vossa capacidade para resolver os puzzles.Earthworms é a história de um Daniel White, que 20 anos antes, começou a ter visões e tem tentado se antecipar aos problemas iminentes, trabalhando como detective particular. O que começa como um dia normal transforma-se num mistério que o leva até à ilha de Dar.


A ilha de Dar é apenas uma ilha normal à superfície mas logo nos primeiros minutos encontramos criaturas estranhas até para um mundo habitado por minhocas e temos a certeza que algo de errado se passa. Apesar de eu poder entrar em mais detalhes sobre certos eventos que acontecem, Earthworms é um jogo de aventura em que a história é o ponto mais importante e spoillers não são realmente bem vindos neste género. Na moda típica dos point and click, há muitas coisas a fazer e temos de andar para trás e para frente, à procura de itens que nos permitem avançar. Há um inventário fácil de usar e os controlos no ecrã da Switch fazem justiça ao jogo e fazem desta a melhor maneira de jogar e ajudam a acelerar as coisas, no entanto é possível jogar com o joycon.

Embora Earthworms não estejam exactamente no mesmo nível de Thimbleweed Park ou The Darkside Detective se já jogaram estes dois e outros dos melhores jogos do género há muito para gostar aqui e os fãs do género vão gostar. O ritmo pode parecer um pouco lento mas a banda sonora é bastante boa e ajuda a definir o tom do jogo que é completado pelos visuais do jogo. A jogabilidade é decente e é possível acabar o jogo de uma vez já que não é realmente muito grande, sendo quase equivalente a um episódio de um jogo da antiga TellTale por exemplo.

Apesar de não ter gravação automática, ser curto e no geral não ser tão bom como os outros jogos do estúdio Earthworms consegue oferecer algo único e ser competente na maioria dos aspectos, o que o tornam bastante fácil de recomendar aos fãs do género.

Tiago Roque

Leave A Comment