Análise: Warhammer: Vermintide 2: Winds of Magic

Winds of Magic é mais um DLC para Vermintide 2, o jogo baseado no universo Warhammer e que traz consigo uma nova raça de bandidos, os Beastmen. Além disso recebemos também um novo nível, novas armas, um novo modo de jogo e limite de nível também foi aumentado para 35. Os Beastmen adicionam um pouco de desordem ao jogo e são diferentes o suficiente para se descarem, além disso vêm com seus próprios inimigos de tipo especial. Também existe um novo tipo de “monstro”, o Minotauro que  é hiperagressivo com uma boa quantidade de HP, mas sem armadura e uma zona sensível considerável.

O novo nível serve como uma introdução à história dos Beastmen, concentrando-se num meteoro que cai, atraindo a atenção dos Beastmen. O novo nível pode parecer um pouco complicado em algumas partes, especialmente o final, mas todo o nível em si é bastante acessível e meio banal até aí.

O limite de nível foi aumentado para 35  e com isso, um aumento de poder do herói. Isso serve como um incentivo para jogar o conteúdo anterior novamente, mas além do poder extra do herói, há um novo talento de nível 30 e os antigos talentos foram renovados para resultados particularmente positivos. Os níveis dos itens não aumentaram, o que não é propriamente concensual. Por um lado, não podemos aumentar o poder de herói para 700, mas por outro não precisamos de trocar todo o equipamento.

As novas armas são também um misto de qualidade já que Saltzpyre e Sienna recebem armas que podem ser usadas em todas as suas subclasses, no entanto, os machados de arremesso de Bardin, o escudo de Kerillian e a lança de Kruber só podem ser usados ​​em certas subclasses. Uma das maiores atrações anunciadas para Winds of Magic eram as tramas – um novo modo de jogo que prometia variedade e progressão infinitas. Infelizmente o resultado final está longe de funcionar, criando uma experiência partida e nada gratificante. Cada trama é afetada por um “vento” de magia de cor diferente que muda o ambiente de maneiras diferentes. Infelizmente,  não podemos utilizar itens dojogo principal para as tramas, apenas itens de trama, ou seja, estmos essencialmente a utilizar uma personagem nova, algo que não é todo agradável.

 

Winds of Magic tenta ser mais do um DLC, mas o conteúdo que faria deste DLC uma verdadeira expansão simplesmente não funciona e aquilo que funciona sabe a pouco. Warhammer: Vermintide 2 tem muito para oferecer e são fãs do jogo há muita coisa importante em Winds of Magic, mas o extra que torna este DLC mais caro não é muito relevante para os verdadeiros fãs do jogo.

Tiago Roque

Leave A Comment