Análise: Flipon

Os jogos de puzzles podem ser das melhores experiências que podemos ter. Tetris por exemplo é um clássico que dificilmente alguma vez vai deixar de ser divertido e além de pequenas melhorias visuais, não teve praticamente alterações nenhumas na jogabilidade desde o lançamento original. Flipon é um jogo de puzzles rápido mais ou  menos na mesma onda de tetris e que é bastante divertido, embora seja um pouco derivativo e não deixar um grande impacto durador no jogador. Muitos dos problemas de Flipon acabam por ser uma pena, já que em termos de apresentação por exemplo, é um jogo bastante agradável ao olhar e possui personagens divertidas e até uma campanha para um jogador bastante interessante.

Em termos de jogabilidade, é um jogo realmente simples mas que requer reações mais rápidas do que seria de esperar. Flipson consiste num poço que continua a se encher de caixas coloridas vindas da parte inferior do ecrã. O jogador pode girar dois blocos entre si, mas apenas horizontalmente e assim que três blocos da mesma cor se alinham, seja horizontalmente ou verticalmente desaparecem. É um conceito simples e praticamente comum a todos os jogos de puzzles e que Flipon não tenta revolucionar, misturando algumas ideias que no conjunto funcionam muito bem. Tudo no jogo requer pensamento rápido e constante e é um jogo desafiante.

No entanto o jogo não muda praticamente nada na formula em todos os modos e pode acabar por parecer monótono à custa disso, em grande parte por causa da quantidade de quadrados permitidos no poço. As quatro cores presentes no jogo também fazem com que por vezes Flipon acabe por parecer mais dependente da sorte do que da nossa habilidade enquanto jogadores e isso é um pouco frustrante. O poço expande-se e aumenta de tamanho em certos modos, mas o conceito de Flipon acaba por ser demasiado restritivo para oferecer uma experiência mais gratificante, especialmente quando começamos a dominar o jogo e mesmo assim passamos por momentos em que nada corre a nosso favor.

Flipon é um jogo divertido e que vale o preço que é pedido por ele. É um jogo melhor quando jogado em pequenas sessões, especialmente porque o conceito não funciona em longas sessões de jogo e também é muito limitado em termos de progressão. Mas se são fãs de Tetris ou Puyo Puyo e estão à procura de um jogo que encaixe na perfeição naquelas pausas de 10 minutos, Flipon é um jogo perfeito para vocês.

Tiago Roque

Leave A Comment