Análise Ratchet & Clank: Q-Force

A diferença aqui é a inclusão de elementos dos jogos Tower Defense. Cada nível possui uma base Q-Force, mas há mais para fazer do que ficar sentado à espera que o inimigo venha até nós. O universo Ratchet & Clank funciona bem neste moldes: as arma e torres são diversificadas e prometem divertimento, enquanto os vários […]

LER MAIS
Análise Puddle

Puddle foi inicialmente criado por um grupo de estudantes franceses e foi vencedor do GDC 2010 Showcase na categoria de estudantes, Puddle teve um lançamento inicial na Xbox 360 e chega agora à Steam. Concentrando-se na física de fluidos, Puddle faz muita coisa bem e é sem duvida um jogo muito interessante. O conceito por trás […]

LER MAIS
Análise Sine Mora

Se não gostam de ler muito podem ficar por esta frase, Sine Mora é fantástico. Os shooters side-scroll já passaram de moda à alguns anos, mas graças ao mesmo movimento indie que voltou a tornar populares os jogos de plataformas 2D trás-nos Sine Mora, um jogo que tem o que é preciso para tornar o […]

LER MAIS
Análise Memento Mori

Memento Mori tem dois problemas principais. O primeiro é o ritmo. Logo no início do jogo descobrem que alguns monges estão por trás dos roubos de arte, mas depois não acontece nada na investigação de  muito tempo depois, e tudo que fazem, entretanto, é mexer com o telefone, buscar café, e fazer biscates para os […]

LER MAIS
League of Legends – Análise Zed

Eu gostava de conseguir gostar de Zed, apesar de andar como Shen tem um aspecto meio Mortal Kombat que me agrada mas a falta de originalidade e o facto de não conseguir olhar olhos nos olhos praticamente nenhuma das outras personagens que fazem o mesmo papel que ele faz-me não conseguir recomenda-lo e até aconselhar […]

LER MAIS
Análise Halo 4

Depois de a Bungie ter abandonado Halo, a Microsoft criou o seu próprio estúdio dedicado ao jogo, 343 Industries. A Bungie praticamente popularizou sozinha os FPS para consolas, com o primeiro Halo que nos trouxe Master Chief. Para fechar o seu percurso em Halo eles fizeram uma prequela, Reach, que, essencialmente foi o ponto final da Bungie no […]

LER MAIS
Análise PlayStation All-Stars Battle Royale

Assim que abri PlayStation All-Stars pela primeira vez assustei-me por um momento, com uns menus feios como já não via à muito tempo parecia ter-me enganado no jogo, mas lá carreguei em jogar apesar de os menus não me motivarem para o fazer. Escolhi o Nathan Drake porque basicamente adoro Uncharted, apesar de adorar outras […]

LER MAIS