Análise: The Wanderer: Frankenstein’s Creature

The Wanderer: Frankenstein’s Creature é um jogo inspirado no clássico de terror gótico de Mary Shelley, Frakenstein. Esta é uma obra que se mistura muito com o mundo do cinema, desde cedo que fez parte dos monstros da Universal mas as obras que realmente lhe fazem justiça são realmente poucas. Se no cinema a criatura de […]

LER MAIS
Análise: Collar X Malice

Collar X Malice é um Otome desenvolvido pela Idea Factory sob a marca Otomate, que se concentra em visual novels e outros géneros semelhantes como o Otome. Lançado originalmente para a PS Vita, o jogo ganhou uma nova vida na Nintendo Switch, aquela que é a sua verdadeira sucessora neste género. A premissa  é que […]

LER MAIS
Análise: Deadly Premonition 2

O primeiro Deadly Premonition é um jogo em que apenas dizer que nem todos gostaram não conta nem metade da história. Alguns dizem que é um jogo tão mau que é bom, outros acham o jogo genuinamente bom e outros apenas mau. A reação ao jogo foi de tal forma dividida que o jogo tem um […]

LER MAIS
Análise: 1993 Shenandoah

1993 Shenandoah é um Shmup que começou a ser desenvolvido tal como nome indica em 1993. A industria era algo completamente diferente e Shenandoah começou a ser desenvolvido para a Amiga 500, um computador / consola da Commodore que ganhou popularidade na europa e era a base para uma verdadeira comunidade que se dedicava a criar […]

LER MAIS
Análise: Heroes of Hammerwatch

Heroes of Hammerwatch é um novo RPG lançado para a Switch e que pertence ao mesmo universo de Hammerwatch, um jogo que parece ter sido muito bem recebido pela crítica mas que infelizmente não joguei, pelo que não posso corroborar da opinião. Heroes of Hammerwatch oferece muito do que os jogadores estão à procura no género, […]

LER MAIS
Análise: Gerrrms

Continuando a saga de pequenos jogos para a Switch, hoje temos Gerrrms. Gerrrms é um pequeno (e barato!!) brawler em que controlamos germes. Talvez não seja a melhor altura para lançar um jogo sobre organismos microscópicos, mas Gerrrms chegou à Switch. É um jogo simples e divertido, especialmente quando jogamos contra outros jogadores em vez da IA. […]

LER MAIS
Análise: Hamster Bob

Hamster Bob é um jogo desenvolvido pela Wild Berry Games e que tenta estimular a criatividade das crianças. É basicamente uma aplicação de colorir para crianças mas com um ou dois elementos que fazem da Aplicação um jogo. Não existe uma história que abrange todo o jogo, mas cada nível funciona como uma espécie de […]

LER MAIS
Análise: Ruiner

Ruiner é o jogo de estreia da Reikon, um pequeno estúdio da Varsóvia, que varia um pouco a típica fórmula do género twin shooter diminuindo um pouco a velocidade do jogo, reduzindo significativamente o número de inimigos e elevando a dificuldade geral. O jogo desenrola-se numa metrópole cyberpunk no ano 2091 com o nosso herói, […]

LER MAIS
Análise: Paper Mario: The Origami King

Os jogos em que Mario entra são demasiados sequer para contar. Estamos a falar daquela que é muito provavelmente a personagem de videojogos mais conhecida do mundo, equiparada talvez apenas a Mickey num contexto diferente. Os jogos Mario são um pouco mais restritos mas podemos contar com um punhado deles em cada consola da Nintendo […]

LER MAIS