Análise: Colt Canyon

Colt Canyon é um roguelite com inspiração no faroeste americano. O estilo gráfico e a jogabilidade são o grande ponto forte do jogo, no entanto o estilo gráfico não é certamente para todos os jogadores. O estilo em pixel art é agradável e a palete de cores é diferente do que habitualmente é utilizado nestes […]

LER MAIS
Análise: Razer Seiren Emote

Depois de conquistar os jogadores, a Razer virou-se para os Streamers. Quem melhor para promover o hardware da Razer do que jogadores que são vistos por milhões de pessoas? O Razer Seiren Emote é talvez o produto mais virado para o streaming que por aqui passou e irá certamente atingir os objectivos da marca. Além dos […]

LER MAIS
Análise: OUTBUDDIES DX

O género Metroidvania é um dos mais populares na cena indie e a grande maioria são de aspecto retro, com gráficos pixel que normalmente tentam atualizar algo que foi feito quase na perfeição em Super Metroid e Castlevania IV. OUTBUDDIES DX insere-se neste género, mas é de inspiração mais retro e menos modernista. Não tenta alterar […]

LER MAIS
Análise: Jump King

Existem jogos sobre os quais é realmente difícil escrever artigos. Ao contrário do que podem pensar não são aqueles jogos cheios de pormenores ou com um conceito complicado, mas sim aqueles que são tão simples que se conseguem descrever em três ou quatro linhas. Os jogos complexos são fáceis, podemos escrever e escrever e dar […]

LER MAIS
Análise: Summer in Mara

Summer in Mara é um adorável e relaxado jogo que mistura vários conceitos como o de plantação, criação e recolha de itens e exploração, tudo enquanto me consegue lembrar e muito  The Legend of Zelda: The Wind Waker. É um jogo desprovido de combate  onde controlamos Koa, uma criança que naufragou e foi criado por […]

LER MAIS
Análise: Namco Museum Archives Vol 1 & 2

Quem começou este hobbie dos videojogos na antiga NES lembra-se certamente de muitos dos clássicos da Namco. Jogos como Dig Dug, Galaxian ou Pac-Man eram dos meus jogos favoritos da altura ao lado de Super Mario Bros e Contra. Apesar de sempre me ter inclinado mais para jogos com inicio e fim, os jogos arcade […]

LER MAIS
Análise: Wintermoor Tactics Club

Wintermoor Tactics Club é um jogo que eu achei que fosse gostar quando vi as primeiras imagens e trailer mas nunca pensei gostar tanto. A jogabilidade simples, a história bastante original, a apresentação adorável são tudo elementos que fazem de Wintermoor Tactics Club um jogo realmente interessante. O “core” do jogo pode ser o rpg […]

LER MAIS
Análise: The Last of Us Parte II

A Naughty Dog é atualmente um dos estúdios mais consagrados da industria, e sinceramente se tivesse que escolher um outro que conta neste momento com o mesmo nível de pressão para o seu próximo lançamento, só me consigo lembrar da CD Projekt Red que depois de lançar The Witcher 3 tem de conseguir igualar o […]

LER MAIS
Análise: Razer Tartarus Pro

O Razer Tartarus Pro é o primeiro keypad que passou pelas minhas mãos e é um periférico que no fundo me parece bastante desnecessário. Um keypad gaming é realmente um item extra que muito poucos jogadores irão realmente dar um verdadeiro uso a este periférico. No entanto não posso negar que existem cenários em que […]

LER MAIS
Análise: Utawarerumono: Prelude to the Fallen

Utawarerumono: Prelude to the Fallen é o novo capítulo de uma série sobre a qual nada sabia antes de receber da Bandai  Namco um código para análise. Depois de alguma pesquisa aquilo que aprendi é que Prelude of the Fallen é o quarto jogo da série e o remake do primeiro jogo. Lançado em 2002 […]

LER MAIS