Análise: Razer Deathadder V2 Pro

A nova proposta da Razer é o regresso do excelente Deathadder, um dos ratos mais populares da Razer, dos jogadores e sinceramente meus. A minha experiência com o Razer Deathadder V2 Pro não é de todo impressionante, já que a caixa e embalamento do rato não é muito entusiasmante e sinceramente ainda bem, já chega de […]

LER MAIS
Análise: Occupy White Walls

Occupy White Walls é um MMO saído do Kickstarter que não tem nada em comum com praticamente nenhum MMO que já tenham jogado antes. Occupy White Walls tem bem mais em comum com experiências como Second Life ou o PlayStation Home do que com World of Warcraft já que é um mundo digital onde os utilizadores […]

LER MAIS
Análise: Deliver Us the Moon

Deliver Us the Moon é uma pequena história sobre isolamento e perda que nos coloca na pele de um astronauta que navega para a lua para salvar o planeta. Desde já é preciso realçar que este jogo se enqudra muito mais na ideia de um walking simulator do que na de qualquer outro género, algo […]

LER MAIS
Análise: Darksburg

Darksburg é um roguelike desenvolvido pela Shiro Games. A cidade de Darksburg foi invadida por mortos vivos e cabe ao jogador ser o herói do seu povo. Darksburg pode ser um roguelite mas é fortemente inspirado por Gauntlet e Diablo e isso acaba por destacar muito aquilo que Darksburg realmente é e como isso o […]

LER MAIS
Análise: Tamarin

Um jogo pode não fazer qualquer sentido na nossa cabeça e mesmo assim manter uma certa coerência entre os seus sistemas, história e jogabilidade. Muitos jogos de aventura por exemplo têm uma lógica muito própria que não funciona no mundo real. Tamarin é uma experiência muito diferente de tudo isso, ignorando qualquer lógica e coerência, […]

LER MAIS
Análise: Going Under

Não me canso de dizer que os roguelikes são dos meus jogos favoritos. Atualmente existem roguelikes de todos os temas, formatos e feitios e cada um traz normalmente algo de novo para o género. Muitos roguelikes seguem um modelo semelhante e podemos sentir por vezes que jogamos o mesmo jogo vezes sem conta, mas nem todos […]

LER MAIS
Análise: Doodle Derby

Doodle Derby é um pequeno jogo de condução 2D que temos duas caracteristicas que o diferenciam, o visual inspirado em “doodles” ou na ausência de uma melhor tradução, rabiscos, e numa pequena parte da jogabilidade em que temos de criar partes do cenário para chegar aos checkpoints e metas do jogo. Os primeiros níveis de Doodle […]

LER MAIS
Análise: Witcheye

Há uma regra não escrita dos jogos de plataformas que é a de ter uma personagem que salta. Muito sinceramente não me acorre praticamente nenhum jogo que fuja a esta regra além de talvez Snake Pass e esse não pode contar já que a personagem é uma cobra. Witcheye é por todas as outras regras […]

LER MAIS
Análise: Hotshot Racing

Costumo dizer que os primeiros jogos 3D envelheceram muito mal. Jogar a maior parte dos jogos da Nintendo 64 e até da PlayStation original é bem diferente do que a memória nos leva a crer. Os olhos da nostálgia são bem mais benevolentes para esses jogos do que a realidade. Obviamente existem jogos muito bons […]

LER MAIS