Antevisão: ExoCorps

Exocorps é um shooter espacial de ficção científica que se encontra neste momento em Early Access e que até já oferecemos algumas chaves. Parabéns a quem recebeu. Exocorps lança os jogadores num cenário futurista na posse de um exofato de alta tecnologia. Uma plataforma de armas mecânicas blindadas, estes fatos pesados fornecem movimento incomparável com jetpack incluído e deixando o fato de Crysis a um canto. Exocorps é também uma verdadeira maravilha gráfica, sendo por vezes difícil entender como o estúdio Gingerbred conseguiu esculpir paisagens tão impressionantes com o motor Unreal 3.

Os cenários desolados de Exocorps conseguem parecer mais majestosos do que seria de imaginar. Apesar da aparência impressionante de ExoCorps, este é um jogo que vai buscar inspiração a Unreal e Unreal Tournament, especialmente na sua jogabilidade rápida. Ao contrário de algo como DOOM onde a jogabilidade é mais fluida onde o combate é quase uma dança entre jogadores, Exocorps está mais próximo de jogos como Unreal Tournament, sem qualquer ajuda de IA aqui e um jogo onde a habilidade do jogador é a única coisa que dita o sucesso. A precisão necessária é considerável e o próprio Exosuit vem repleto de tecnologia para ajudar o jogador a derrotar os seus inimigos.

As armas incluem as armas que nos habituámos a ver nos jogos do género, com nomes diferentes e aqui são acompanhadas por um conjunto independente e totalmente devastador de mísseis de enxame. Cada uma destas armas fornece as suas próprias capacidades particulares e a diversidade apresentada é já neste momento bastante interessante. Cada arma tem uma função e utilidade, seja para realmente infligir dano ou simplesmente para persuadir os inimigos a moverem-se para uma direção específica. O jogo usa quase na totalidade um sistema de energia para todas as armas, o que ajuda a não termos de procurar caixas de munições por exemplo.

Embora as armas em Exocorps sejam impressionantes e variadas, se estão à procura de aventura espacial, Exocorps pode não vos oferecer isso. Exocorps adiciona uma pequena camada de complexidade e realismo e junta a isso a jogabilidade shooter clássico. As ideias de realismo são interessantes. O jetpack por exemplo é ótimo o movimento mas utilizá-lo ou até qualquer arma gera muito ruído e calor, o que torna os jogadores mais fáceis de detectar nos sensores inimigos. Isso normalmente resulta em sermos atacados de outro lado ou levar-mos com um enxame de misseis inimigos. O jogo oferece-nos possibilidades para nos safarmos com flares e outras técnicas defensivas, mas esta é uma dose de realismo que poucos jogos oferecem, especialmente num mercado recheado de jogos Battle Royale.

Estas deciões são realmente interessantes e fazem de ExoCorps um jogo diferente mas que recompensa muito os jogadores dedicados. Não é um jogo acessível mas se são o tipo de jogadores que não procura um jogo fácil, ExoCorps é para vocês.

Tiago Roque

Leave A Comment