Antevisão: Hello Puppets: Midnight Show

Hello Puppets: Midnight Show é uma continuação de Hello Puppets VR, lançado há alguns anos. Hello Puppets VR apresentou-nos uma mistura de terror com comédia onde somos introduzidos ao estúdio de Handeemen puppets, um espetaculo infantil que terminou de forma trágica e onde uma série de fantoches malvados estão á solta. Sem necessidade de VR desta vez Hello Puppets: Midnight Show é um jogo de terror furtivo que pelo menos pela demo a que tivemos acesso ainda não está ao nível necessário.

Mais uma vez, o enredo do jogo leva-mps ao estúdio Handeemen. Desta vez, jogamos como o criador Owen Gubberson, que usou magia negra para trazer os seus próprios fantoches à vida. Como se trata de um jogo de terror, pode-se esperar que a sua magia não tenha corrido muito bem e aqui os seus fantoches revelaram-se bastante sedentos de sangue. O jogador tem um tempo limite para reverter o feitiço e a história claramente fica em segundo plano em relação à jogabilidade. Muitas histórias opcionais podem ser descobertas ao explorar e reunindo itens colecionáveis, e a história acaba por ser entregue em pequenos pedaços.

Visualmente, Hello Puppets: Midnight Show é uma agradável surpresa para o género. O visuais do jogo são realmente bons e os seus criadores têm um bom entendimento de atmosfera e sombras. Como fantoches, os diferentes inimigos que enfrentamos caminham de forma bastante boa a ténue linha entre assustador e o engraçado. Continuando numa vertende de apresentação a música não é uma surpresa tão boa e enfrenta alguns problemas menores. Felizmente o trabalho de vozes é muito bom e divertido.

Mas é verdadeiramente a jogabilidade o foco neste momento. Talvez não seja tanto assim no jogo final, mas neste momento é e nesta área o jogo é realmente único para uma aventura de terror furtivo. Cada nível leva-nos a uma parte do estúdio que se assemelha a um labirinto, com as salas e corredores conectados ao acaso. O objetivo é encontrar a saída e escapar, mas isso não é fácil já que temos que resolver vários puzzles e evitar os fantoches aterradores do jogo. Ficar fora do alcance destes fantoches exige um pouco de habilidade. Existe a mecânica furtiva usual, podemos-nos esconder em armários entre outras coisas e também podemos utilizar armadilhas e itens para atordoar os inimigos. A mecânica única deste jogo são as pilhas. Quase todos os dispositivos, das armadilhas aos puzzles precisam de pilhas. Podemos retirar as pilhas e colocá-las de volta nos dispositivos e esta mecânica adicionar uma camada realmente interessante ao jogo.

Ainda há muito para fazer em Hello Puppets: Midnight Show e as perspectivas são boas. A demo é interessante mas senti falta de uma melhor história e uns controlos mais sólidos ou simplesmente melhores formas de customizar os controlos.

Tiago Roque

Leave A Comment