Antevisão: Plunder Panic

Plunder Panic é um jogo que coloca duas equipas em confronto direto. Cada um tem um navio e quatro objetivos, capturar ouro, afundar o navio inimigo com uma bala de canhão, matar o capitão do navio ou lançar um pequeno barco carregado de dinamite contra o navio adversário. Completar qualquer um destes objetivos irá garantir a vitória da ronda.

Plunder Panic é um jogo interessante que pode ser jogado com até outros 11 jogadores num frenético 6vs6. O jogo é frenético e complexo mas se cada jogador se concentrar numa atividade com a qual se sinta mais confortável e existir alguma dose de coordenação tudo flui de forma mais fácil. O jogo encontra-se ainda em acesso antecipado e neste momento (e talvez no futuro) existe apenas um ecrã com dois barcos, sendo o jogo praticamente sempre igual todas as rondas, mas nunca parece aborrecido já que as variáveis criadas pelas equipas fazem com que nunca dois jogos pareçam iguais.

Jogar Plunder Panic é por outro lado bastante simples. Os controles apenas um botão para saktar, um para puxar ou embainhar a espada ou soltar itens e um botão para ações como atacar com a espada ou interagir com o ambiente. Este é um jogo realmente fácil de pegar e jogar, sem grandes movimentos complicados para aprender, mas com bastante profundidade quando pensamos, já que parte da diversão é ganhar e ganhar requer muita coordenação da equipa. Enquanto que a estrutura geral permanece a mesma do início ao fim, existem vários mapas com cada um a ter posições ligeiramente diferentes para suas plataformas, e um tema diferente. Também os itens existem para oferecer mais opções do que apenas os ataques com a espada. Um ídolo lança meteoros na direção geral do ídolo e uma lula borrifa tinta nos inimigos para marcá-los para o Kraken por exemplo.

Plunder Panic é essencialmente um party game que é ideal para jogos com os amigos, não para longas sessões no entanto. Além disso o jogo não tem ainda matchmaking, portanto se querem jogar com amigos podem jogar localmente ou criando salas privadas. O jogo é rico com toneladas de pequenos detalhes que revelam camadas sobre camadas de possibilidades dentro do jogo, proporcionando uma curva de aprendizem substâncial. Apesar da jogabilidade não sofrer alterações até ao final do jogo, os jogadores vão descobrindo novas formas de utilizar os mesmos movimentos que aprenderam no início do jogo.

Plunder Panic precisa ainda de trabalho. A UI e menus é no geral fraca e além de achar feia, não a acho de todo funcional também. O jogo tem todos os elementos para se tornar um jogo de sucesso dentro do género de party game. É um jogo feito com gosto e isso nota-se e certamente os seus criadores estão atentos a todo o feedback que recebem para criar uma experiência ainda mais polida e rica no lançamento final.

Tiago Roque

Leave A Comment