Antevisão: Potion Craft

A TinyBuild sempre foi sinónimo de jogos um pouco estranhos mas Potion Craft é talvez um dos jogos menos “over the top” da editora. Basicamente Potion Craft é um simulador de alquimia, onde os jogadores recolhem itens e criam poções, tentando obter lucro pelas suas criações. A premissa é interessante mas não estava de todo à espera de um jogo tão divertido.

A primeira coisa que salta à vista em Potion Craft é o estilo visual. Não é um jogo com visuais de última geração e é quase exclusivamente composto por menus mas os criadores do jogo conseguiram criar cada ecrã visualmente apelativo. Com visuais de estilo livro de ilustração, Potion Craft consegue tornar simples menus interessantes e apelativos. Não é de todo uma tarefa fácil e o que não falta são jogos onde o jogo parece mais um software de gestão do que um jogo.

Em Potion Craft o jogador gere uma pequena loja e o ciclo da jogabilidade é normalmente feito por recolher ervas do jardim e combiná-las numa tonelada de diferentes maneiras potenciais para preparar poções da forma mais eficiente possível e vendê-las para atender às solicitações dos clientes. Existe uma progressão feita através de alguns desbloqueios baseados no nível de experiência. A mecânica do jogo são fáceis de entender, não há habilidade nenhuma necessária para jogar. A parte mais complicada é aproveitar ao máximo os ingredientes colhidos todos os dias; descobrir o seu uso ideal e manter todos os clientes em potencial satisfeitos. Não ter os ingredientes necessários ou entregar a poção errada a um cliente irá afetar a reputação da loja e reduzir os nossos lucros.

Além disso o jogo não é tão linear como seguir uma receita, o jogo existe mais criatividade. Ao criar um item iremos ver alguns icones, alguns positivos e outros negativos. Criar um item é uma questão de essêncialmente seguir um mapa, mas esse mapa é criado à medida que colocamos os itens e o objetivo é tentar criar o item aproveitando os pontos positivos e diminuindo os negativos. Isto pode parecer confuso e difícil na primeira vez e até no trailer, mas é bastante simples na realidade.

Apesar de simples, o jogo consegue oferecer de forma surpreendente bastante profundidade. O nível de controlo que temos é surpreendente e aquilo que torna Potion Craft uma surpresa tão grande. Depois de termos criado uma poção uma vez não precisamos de criar manualmente outras. Só temos que definir o preço e garantir que temos os mesmos ingredientes em stock.

Potion Craft encontra-se ainda em acesso antecipado mas as mecânicas principais deverão já estar todas presentes neste momento. Olhando para o progresso que fiz durante o tempo de jogo fico no entanto com algumas dúvidas relativas à progressão. Não sei qual é o objetivo final do jogo, mas espero que não seja continuar a ganhar dinheiro eternamente. Neste momento existem alguns botões que não funcionam também mas no geral o jogo está muito completo já.

Potion Craft surpreendeu-me pela positiva e apesar de estar em Early Access é já uma proposta excelente, faltando ver de que forma o jogo trabalha a progressão para que ao fim de algumas horas de jogo não pareça sempre igual.

Tiago Roque

Leave A Comment