Analise Amnesia: A Machine For Pigs

Amnesia Dark Descent foi um fenómeno especialmente na internet. A quantidade de vídeos lançados no youtube foi considerável, com os maiores youtubers a lançar a sua versão de um lets play com muitos gritos. Também eu dei uma espreitadela ao jogo, mas no fim a minha opinião é um pouco diferente da maioria. Não vou negar que a atmosfera é aterradora mas não me assustou realmente. Depois do aparecimento do primeiro monstro e ter percebido o equilíbrio entre luz, inimigos e o ritmo cardíaco, a minha única preocupação passou a ser resolver os puzzles.

Infelizmente nesse aspecto tanto o original como a sequela pecam por serem demasiado frustrantes. A Machine for Pigs esteve nas mãos da The Chinese Room e no geral ficou bem entregue. Se o principal trunfo do original era a sua atmosfera então podem ficar descansados pois o nível de qualidade mantém-se. Novos jogadores irão ter o mesmo impacto que os jogadores tiveram com o original, no entanto quem jogou o original pode não ter a mesma opinião.

Em parte isto deve-se ao facto de o primeiro funcionar como uma vacina que nos impede de sofrer do mesmo mal duas vezes, mas como a experiência que o jogo oferece é tão similar, isso também ajuda a explicar esse ineficácia com os jogadores veteranos. Esta é uma boa e solida sequela, mas não faz nada de novo. A jogabilidade continua a ser a simples interacção com o ambiente para resolver puzzles e a relação com a luz é também a mesma.

A forma como a historia e contada também não ira agradar a todos. Sem recorrer a cutscenes ou diálogos com NPCs, toda a historia e contada através de folhas soltas que apesar de serem narradas, não são muito apelativas. Isto aumenta o efeito de solidão e desespero do jogo, mas muitos podem não achar esta forma muito satisfatória. Acredito que esses serão os mesmos que não gostam de jogos de aventura e irão pegar em Amnesia por ser assustador e por se ter tornado popular. Mas esses jogadores vão acabar por cair na realidade. Amnesia e uma aventura com foco na exploração que se baseia na resolução de puzzles para nos deixar progredir.

amnesia machine for pigs 1

Infelizmente muitos destes puzzles são apenas frustrante e isso quebra o clima de tensão que o restante jogo oferece. Excluídos os puzzles ficamos apenas com a atmosfera e um sentimento de terror constante quem nem sempre é justificado. O jogo faz um bom trabalho em manter o jogador alerta, mas raramente concretiza, o que pode levar-nos a um sentimento de segurança que nao é de todo o que os criadores certamente desejavam.

Se gostaram do original e apenas querem algo do mesmo género sem ter que jogar novamente o original, entao podem ficar satisfeitos com A Machine for Pigs, o mesmo acontece se nunca jogaram original. Mas se adoraram o primeiro Amnesia e tem grandes expectativas para esta sequela, podem ficar desiludidos pois esta nunca apresenta algo de novo, nem consegue superar o antecessor.

7/10

 

bao_15

Tiago Roque

Leave A Comment