Análise Legend of Dungeon

Bem, esta parece ser a semana dos roguelike. Depois de The Guided Fate Paradox e Bionic Dues trago-vos hoje Legend of Dungeon. Legend of Dungein não tem qualquer história, O jogador é simplesmente um aventureiro com o objectivo de tentar chegar ao 26 º andar de uma dungeon para encontrar e recuperar um lendário tesouro. Além de poderem jogar a solo, podem ainda jogar com amigos no mesmo computador e até no mesmo teclado. Infelizmente mesmo aqui existe morte permanente e os outros jogadores não podem evitar isso.

Se estiverem a jogar sozinhos ou com amigos , a aleatoriedade é a principal característica de Legend of Dungeon. Os níveis são gerados aleatoriamente , assim como o são os inimigos que encontrarem lá e os itens que encontrarem ao longo do caminho. Tal como em The Binding of Isaac por exemplo (lá está a mesma referencia de sempre), aqui as poções que encontramos pelo caminho variam de efeito e nem sempre a poção de uma certa cor irá fazer o mesmo noutra playthrough.

As razões para jogar Legend of Dungeon são exactamente as mesmas que nos levam a jogar outros roguelike, a imprevisibilidade de cada playthrough e dificuldade. Nem sempre somos fortes, nem sempre temos dano suficiente ou encontramos itens realmente úteis que funcionam bem com as nossas ideias.  Não há nenhuma maneira de saber como tudo vai correr, e a criatividade que os criadores do jogo colocaram em todos os itens faz com que seja divertido descobrir o que nos irá calhar na próxima tentativa. Infelizmente a sorte é também um grande factor de Legend of Dungeon, assim como o é em todos os roguelike. Há algumas playthroughs em que não é suposto realmente chegarmos ao fim.

O aspcto visual do jogo é outro elemento que poderia atingir alguns jogadores de forma diferente do que outros. É um estilo intencionalmente pixelizado, semelhante ao de Superbrothers : Sword and Sworcery . Não há como negar que é um estilo frequentemente utilizada nos dias de hoje , que funciona com alguns jogadores e não com todos. Normalmente quem está dentro da cena indie gosta deste grafismo, enquanto que os jogadores habituados demasiado aos AAA tem tendência a ser demasiado critico.

Legend_of-Dungeon_03

Alguns quartos são muito escuros e, a menos que o jogador tenha encontrado um item que proporciona mais luz , este deve avançar lentamente e prestar atenção para qualquer indício de um monstro que se aproxime perto da sua pequena zona de visibilidade. A luz é um factor importante em Legend of Dungeon e além da perceptiva sidescroll é um bom factor de diferenciação deste roguelike. Não é apenas importante da forma que já escrevi, mas também é importante pensar no risco de carregar uma luz que substitua a nossa arma. É uma relação segurança/perigo muito explorada e criticada em Doom 3 e que está bem pensada aqui.

Os sons dos inimigos desempenham um papel semelhante na nossa sobrevivência , especialmente nos quartos escuros . Cada um dos inimigos faz um barulho diferente quando eles percebem que nos aproximamos e vêm para atacar. Se pensar em outros roguelike não me lembro de nenhum em que conseguisse distinguir os inimigos pelo som e achei isso realmente original. Não se trata também apenas de uma curiosidade, tem uma utilidade também, especialmente nas zonas escuras. A musica é também um aspecto positivo, estando de acordo e reforçando a atmosfera de Legend of Dungeon.

Legend-of-Dungeon-Dynamic-Lighting

Legend of Dungeon é divertido de jogar e tem alguns pontos originais. Não acho que faça algo realmente diferente de outros roguelike, mas todos os aspectos que fazem um bom titulo do género estão presentes. Depois tudo se resume à experiência que têm com este género de videojogos. Legend of Dungeon pode não vos fazer mudar de opinião, mas pode reforçar o gosto que já tenham. Para mim este é um género que consigo jogar vezes sem conta porque não tenho que me preocupar com nada a não ser a playthrough actual. Se se revêm nestas palavras então Legend of Dungeon faz tudo isso bem e mais.

8/10

Tiago Roque

Leave A Comment