Análise Poöf vs the Cursed Kitty

Em Poöf vs the Cursed Kitty temos que garantir que o pequeno gato no ecrã não sofre qualquer mal. Como Poöf, um cão caçador de tesouros , é o nosso trabalho  fazer isso , matando tudo o que coloca o gatinho em perigo . Sempre que começarem um nível, teremos três tarefas que podem variar de simplesmente permanecer vivo durante um determinado período de tempo, ou recolher objectos. Felizmente se conseguirem cumprir apenas uma das tarefas por exemplo, quando recomeçarem o nível essa irá continuar concluída e vão ter que se preocupar apenas com as restantes. Após concluírem com sucesso todas as três tarefas são atribuídos tokens que podem ser gastos em melhorias de saúde , armas, torres, e  outros itens. Estes são cruciais para o jogo e normalmente são até necessários para passar os níveis seguintes.

Os movimentos especiais são facilmente realizados uma vez que tipicamente requerem apenas um ou uma combinação de duas teclas . Cada movimento que  aprendem torna-se necessário mesmo que seja preciso usá-lo apenas uma vez para passar de nível. A capacidade de abrandar o tempo logo se torna o mais útil de todos os movimentos, sendo útil em praticamente todos os níveis. Poöf vs the Cursed Kitty é um jogo bastante rápido e a tentativa de matar um grande número de inimigos arrojado rapidamente se torna irresistível. A jogabilidade no teclado não é ideal, mas com um comando rapidamente vemos que este é um óptimo jogo, com uma jogabilidade viciante e profundidade suficiente para ser interessante para quase todos os jogadores.

Há essencialmente apenas um nível que lentamente se expande à medida que avançamos através das missões. Isto pode parecer mais interessante do que é, uma vez que torna o ambiente demasiado repetitivo. Poöf vs the Cursed Kitty tem um estilo de arte muito brilhante com uma paleta de cores vivas. Os monstros são muito variados e detalhados, alguns são simplesmente bolhas com os olhos, e outros são dragões desenhados com grande atenção ao detalhas, as quais tornam o jogo um deleite para olhar. Em adição a isto , a banda sonora dramática enquadra-se na temática e melhora a atmosfera. Embora visualmente este jogo pareça ser destinado a um público mais jovem , os inimigos , o combate, estilo de arte e a atenção a alguns elementos narrativos tornam esta uma boa proposta para qualquer jogador.

Apesar de tudo isso, Poöf vs the Cursed Kitty não deixa de parte as suas semelhanças com os pequenos jogos para iOS. Felizmente esse é apenas um pequeno primeiro impacto e rápido vemos que é bem mais do que isso, desde que lhe dêem tempo para isso e não fiquem apenas por ver o trailer.

7/10

Tiago Roque

Leave A Comment