Análise The Showdown Effect

The showdown Effect é um shooter em 2.5D dos mesmos criadores de Magicka, a Arrowhead Game Studios e foi inspirado nos anos 80 e 90 , quer no seu estilo quer no tema das várias personagens. Tal como em Magicka as piadas são muitas e de uma vasta gama de jogos e filmes, sendo este um óptimo ponto positivo e que nos diverte bastante.

O jogo baseia-se em combates bem intensos, com uma grande variedade de armas e golpes à disposição do jogador. Existe inicialmente um tutorial para se aprender todos os tipos de movimento que o jogo disponibiliza ao jogador. Eu acho que neste jogo o mais fácil é saber todos os tipos de movimentos, pois não são muitos e são relativamente fáceis.

The showdown Effect  é um jogo multiplayer em que o sucesso do jogador depende da velocidade e da destreza dos movimentos . O jogo exige um pouco de prática, já que todas as técnicas levam algum tempo a serem aperfeiçoadas. Não esperem portanto que The Showdown Effect seja como um jogo de CoD em que qualquer jogador entra pela primeira vez e consegue alguns kills.

 O jogo é ideal para os jogadores que gostaram do Awesomenauts , pois utiliza algumas características deste jogo. Os mapas são complexos, os modos de jogo variados e existe uma enorme quantidade de pormenores e regras, que leva o jogador aos bons anos 90, ao mesmo tempo que mantém os padrões actuais em grafismo e jogabilidade.

O jogo tem dois modos principais: Ranked e Custom. O primeiro é basicamente uma espécie de campeonato, existindo posições para cada jogador, que varia de acordo com o desempenho do jogador em cada partida. Este modo é o mais indicado para quem quer jogar num nível de dificuldade superior, já que é onde vão aparecer os melhores jogadores, os que têm mais horas de jogo e os que têm mais qualidade.

O modo Custom é o mais recomendado para aquele tipo de jogador que tem pouco tempo de jogo, que necessitam de treinar os movimentos, que precisam de testar as personagens e que ainda não tem as habilidades tão avançadas como os jogadores ranked.

Showdown-Effect-3

Dentro de cada um destes dois modos principais, o jogador irá ter que escolher o tipo de partida que deseja fazer, existem vários tipos de partidas. Existe o Expendables, onde uma das equipas será composta por heróis e a outra será composta por vilões. O objectivo da equipa dos heróis é sobreviver às investidas inimigas que possuem um menor tempo de respawn, já o caso dos vilões têm que caçar os heróis até que estejam todos mortos.

Existe o Team Deathmatch que é o modo clássico do jogo onde a partida  é composto por duas equipas de cores diferentes que irão tentar matar o maior número de inimigos possíveis. O outro tipo é o One Man Army , onde o  jogador  o jogador com maior número de pontos irá ser alvo principal e irá dar mais pontos ao ser morto .

Cada jogo dá-nos a possibilidade de desbloquear novos componentes, armas e novos fatos. O sistema de progressão parece funcionar de uma forma rápida e os jogadores podem desbloquear várias opções novas sem ter que fazer uma grande quantidade de jogos.

A nível de controlos temos as habituais W, A, S ,D para nos movimentar-mos e o rato para apontar, disparar (left-click) e bloquear (right-click). Com o Shift podemos lançar a nossa arma, útil especialmente quando acabam as balas e temos um jogador quase morto à nossa frente, o Ctrl activa o nosso ataque especial e o B serve para nós utilizarmos uma ligadura que nos cura.

O jogo diferencia-se dos outros jogos do género em alguns aspectos como por exemplo a mobilidade, ao introduzir elevadores e um sistema que possibilita que os jogadores subam algumas paredes dos cenários. É também possível desce-las lentamente em slide e disparar ao mesmo tempo, o que é um bom método para ataques surpresa.

showdownreview2-620x

O sistema de combate requer alguma perícia uma vez que para provocarmos dano nos nossos adversários temos de clicar mesmo no boneco e não apenas na sua direcção como é habitual neste tipo de shooters. Ou seja, se clicarmos antes ou depois do boneco que queremos atingir os tiros falham. Há excepções a esta regra como quando usamos facas ou atiramos as nossas armas ou as do cenário como extintores.

O pior aspecto de The Showdown Effect acaba por ser a falta de servidores dedicados, o que para um jogo 100% online não me parece uma boa estratégia. Raras foram as vezes em que um dos jogadores no servidor em vez de andar fluidamente pelo mapa movia-se numa espécie de “blinks” constantes que o tornavam perto de imortal para mim.

Para concluir o jogo encontra-se à venda na Steam por cerca de 10 euros, acho que o valor não é muito elevado em comparação às horas de diversão que iram ter. O jogo é bastante divertido, cheio de acção e é bem desafiante. Apresenta personagens que dizem alguns comentários com elevado sentido de humor. Apesar de o jogo ter uma loja, todos os itens parecem ser desbloqueáveis dentro do jogo.

7.5/10

 

Tiago Roque

Leave A Comment