Análise Legends of Dawn

Vou começar esta análise pelo fim. Não porque acho ser uma escolha criativa ou para variar, apenas porque não quero gastar o vosso tempo com um jogo tão mau. Gostaria de poder dizer maravilhas sobre o Kickstarter e a verdade é que considero o seu conceito bastante interessante e uma boa forma de trazer projectos para a realidade, que o digam os criadores do Oculus Rift, mas em termos de videojogos em si, parece que os únicos de qualidade a saírem do Kickstarter são aqueles que não conseguiram o financiamento, como o  Forge.

Legends of Dawn é um daqueles jogos que utiliza a desculpa de ser um regresso ao passado para se financiar pelo Kickstarter, mas na realidade parece que precisou de se financiar assim porque nenhuma editora teve intenções de pegar em algo tão mau. Ao contrário de um bom jogo inspirado nos RPGs clássicos mas suportado por tecnologia recente temos um jogo que se joga e parece-se visualmente aos jogos que o inspiraram. Não por qualquer escolha estética mas por incompetência.

A realidade é que eu joguei jogos como Titan Quest e lembro-me de ser bem melhor que Legends of Dawn, o que me deixa sem qualquer razão para pegar em Legends of Dawn depois de escrever a ultima linha desta análise, pois tenho quase a certeza que existem alguns jogos antigos que preferia jogar em vez deste. O próprio jogo não faz grande esforço em cativar o jogador de nenhuma forma. Não vou falar para já do combate e grafismo, porque simples aspectos como andar e equipar itens são indicadores do mau que é o jogo. Pensem que se andar funciona mal, imaginem o quão mal estará o resto.

O inventário por exemplo é uma colecção de icons apenas  uma vez que itens como poções nem sequer nos avisam dos seus efeitos. Posso não ter jogado muitos dos RPGs clássicos, mas não me parece que obrigar o jogador a usar uma poção sem saber o efeito seja uma estratégia bem pensada. Para um jogo que incentiva a exploração faz também um trabalho muito mau em proporcionar isso ao jogador. Era fantástico poder explorar todas as casas, mas a câmara do jogo torna isso impossível com os seus ângulos esquisitos.

H063S6V

Realmente em termos de problemas do jogo poderia ficar aqui meses. Existe um sistema de crafting, mas não existe qualquer tutorial para o explicar, o que o torna praticamente inútil para grande parte dos jogadores.  Não há qualquer descrição dos bonus dos atributos e habilidades. Os itens repetidos do inventário não somam o que faz com que este encha rapidamente. E se se lembram também não há grande explicação para o que os itens fazem o que diminui a rotatividade do equipamento, porque simplesmente não sabemos o que este faz maior parte das vezes.

Se a interface faz um mau trabalho a vender o jogo e a ajudar os jogadores, o que dizer da falta de informação. Mas tudo isso poderia ser esquecido caso o combate fosse bom e a história interessante, mas nada disso acontece. A história é no máximo satisfatória, com alguns bons momentos, mas na generalidade aborrecida e com demasiadas secções que parecem grinding. Algo que poderia ser de esperar fora da história principal mas que em Legends of Dawn está presente até na história principal. Há alguns NPCs que com alguma boa dobragem e originalidade dos diálogos nos mantém interessados durante alguns minutos, mas fica por aí.

ss_184396899dd62145f7c36efc8ace6189ee39d54a.1920x1080

O combate é sem duvida o pior aspecto do jogo. Tendo em conta o tipo de jogo que estamos a falar isso é a pior coisa que poderia ter acontecido. Não há ritmo, as animações são pobres e não há realmente outro adjectivo que não monótono para o descrever. Se nem a história nem a jogabilidade  nos conseguem manter interessados, o que consegue? A verdade é que nada.

Deixar de fora o sistema de classes tradicional e optar por uma construção da personagem mais livre é óptimo, mas se o jogo não nos informa sobre os bonus dos atributos e habilidades como é que eu como jogador posso fazer um bom trabalho a construir uma personagem às cegas? Isto leva-me a concluir que nem as boas ideias que podiam existir em Legends of Dawn foram bem implementadas. Deixando de fora o grafismo que é pobre e não tem muito por onde evoluir, Legends of Dawn deixa a impressão de ter sido lançado numa versão bastante perto de Early Alpha como sendo a versão final e isso é de lamentar.

3/10

Tiago Roque

Leave A Comment