Análise: Gran Turismo 6

Neste aspecto Forza não consegue competir sequer. Forza é um jogo sobre corridas, em que o importante é chegar em primeiro para comprar o carro mais rápido. Mas Gran Turismo é mais sobre experiências de condução. É sobre guiar um karting e a seguir um carro de rally e um formula 1 . E porque não conduzir na lua? Se existe um rover com rodas que foi feito para andar na lua é mais uma experiência para vivermos em Gran Turismo e cada vez mais é sobre isso Gran Turismo. Conduzir o que nunca iremos conduzir na vida.

Não me admirava nada que Gran Turismo 7 venha com barcos ou motas. Forza pode ter-se imposto e roubado algum do publico, oferecendo praticamente a mesma experiência de jogo que Gran Turismo 4 e um bom jogo de corridas. Mas pouco mudou no mundo de Gran Turismo. É um jogo que abrimos pela primeira vez e parece imediatamente familiar. Tendo em conta que em Portugal não podemos sequer comparar com Forza e irá existir uma versão gratuita do Drive Club para os membros do Plus, não há desculpa para não comprar GT6.

gran_turismo_6_logo

É sem duvida melhor que GT5 e os Forza da Xbox 360 . O numero de veículos presentes é simplesmente deslumbrante. É impossível ou perto disso ter todos os carros. São mais de 1200, apesar e alguns serem varias versões do mesmo modelo. O numero de locais e pistas foi também aumentado, contendo todos os locais e pistas que tínhamos antes, assim como uma serie de novos locais. Muitos podem dizer que não precisamos de mais de 50 modelos do Nissan Skyline, mas tendo em conta que todos os carros que podemos imaginar estão presentes, podemos realmente queixar-nos de ter escolha a mais?

GT6 é também o reflexo dos tempos e o aspecto que vou abordar de seguida é o pior na minha opiniao. Vivemos num mundo em que o pacote que compramos já não é completo. Os free-to-play inundaram a industria com as suas microtransações e os jogos pagos acham que tambem as devem incluir. Apesar GT6 não ter itens premium ingame, apesar de ir ter DLCs quase de certeza, existem microtransações. O dinheiro que ganhamos no jogo é inferior ao que ganhávamos antes. Comprar aquele carro que queremos demora mais e há um incentivo a comprar créditos com dinheiro real.

Gran Turismo 6

Mas esqueçam se acham que com 2 ou 3€ compram um carro. Um Ferrari topo de gama chega a custa mais de 100€. Com esse dinheiro comprava um bom carro telecomandado e saia de casa para variar um pouco. Alem disso parte da diversão é ganhar corridas para comprar os carros. Eu sei que Gran Turismo se foca em conduzir, mas competir é tão satisfatório como sempre foi.

Outra pequena queixa que tenho é com a IA. Este é um bom exemplo de IA injusta. Não digo que seja difícil, mas nota-se claramente que os carros aceleram e abrandam dependendo da nossa performance numa corrida. Quando fazemos um mau tempo a IA também o faz e quando conseguimos fazer voltas quase perfeitas ganhamos por uma margem mínima. Isto torna as corridas mais emocionantes, mas tira algum prazer à vitoria quando sabemos que não a merecemos.

gran-turismo

A física está melhor que nunca. Os carros comportam-se exactamente como deveriam comportar-se. Cada carro comporta-se de forma diferente e variáveis climatéricas alteram tudo. Infelizmente quando nos despistamos numa pista molhada e batemos com estrondo num muro não temos as consequências que seria de esperar pois o sistema de danos em GT6 é completamente datado. A promessa de um bom sistema de danos vem-se a arrastar desde GT5 e ainda não foi desta.

Graficamente GT6 está limitado pela PS3. Apesar de existirem alguns indícios de next-gen em alguns ângulos, GT6 não consegue rivalizar obviamente com jogos em melhor hardware, mas aquilo que consegue fazer na PS3 é notável. Lançar a seguir GT6 na PS4 seria uma jogada de género. As pistas estão melhores do que nunca, assim como os modelos dos carros.

Em termos de som, GT6 está longe da realidade. Procurem alguns dos modelos presentes no jogo e procurem videos do modelo na realidade e vão ver uma grande diferença. Mas há muito para gostar em Gran Turismo. Há tanto para fazer e explorar que dificilmente não vão encontrar valor no dinheiro que gastaram.

Tiago Roque

Comment (1)
comprar flores
September 4, 2015

Concordo com quase tudo que ffora falado nesse post.

Sem palavras esse artigo, meus parabéns
à essee site.

Reply

Leave A Comment