Análise: Rogue’s Tale

Rogue’s Tale é um roguelike da Epixx.org que tem tanto de viciante como de difícil. No entanto é um tipo de difícil com que é fácil viver. Sempre que morremos por algo inesperado o jogo mostra o que fazer em seguida. O jogo não nos dá a mão do inicio ao fim e no fundo o que nos mantém a jogar é a vontade de ver o que vem a seguir. Inicialmente em Rogue’s Tale o jogador escolhe as suas estatísticas, a partir de: força, agilidade, resistência e carisma.

Estas estatísticas podem ser atualizadas quando subimos de nível. Além de tudo isso, a cada 3 níveis a personagem ganha um trait usando certos objectos do jogo. Esses objetos variam de pedras mágicas a uma fogueira. No entanto, é preciso escolher sabiamente pois não podem mudar esta decisão e só podem ter um certo número de características. Uma vez que desbloquearem traits numa categoria específica, como a alfabetização, desbloqueiam um achievement que permite herdar essa habilidade. Isto significa que mesmo se o seu herói morre, podem reter algumas das coisas que ganharam. É uma ideia que já foi usada em outros jogos do género mas está aqui melhor implementada.

Screen0003

 

A única dificuldade é que é difícil avançar o suficiente para obter esses benefícios.  Rogue’s Tale é tecnicamente baseado em turnos com cada decisão, movimento e ataque tomando um turno. O número total de turnos e uma série de outras estatísticas são fornecidos após a sua morte, ao lado da pontuação geral. Maior parte das interações do jogo são feitas através de um dado, o que dá um sentimento retro e um pouco aleatório ao jogo.Existem tantos tipos diferentes de armas, habilidades e capacidades que nos permitem jogar exatamente como quisermos.

A maior parte das mortes iniciais são devidas a mau equipamento.  A loja principal no jogo tem uma vasta gama de itens que aumentam constantemente de preço e potência. O jogador também pode encantar, remover maldições e identificar itens a fim de aumentar os benefícios de equipá-los. A loja principal é logo no inicio do jogo, portanto quanto mais avançarem mais vão ter que regredir para voltar a comprar. No entanto, isto pode fazer com que todo o jogo se sinta mais como uma aventura.

Tiago Roque

Leave A Comment