Análise: Bear With Me Episódio 1

Depois de jogar o primeiro episódio de Bear With Me, o jogo de aventura cartoon noir da Exordium, não consigo tirar grandes conclusões sobre a qualidade de um jogo inteiro porque este dura tão pocuo tempo e teve tão pouco impacto nesta estreia que é difícil tirar qualquer tipo de conclusão que possa ser verdade ara todo o jogo que está para vir. A realidade é que o próprio trailer do jogo mostra quase tudo o que há para jogar e conhecer neste primeiro episódio. Isto não quer dizer que o jogo em si seja mau, mas se o primeiro episódio se resume a isto, talvez um jogo episódico não fosse realmente o que os criadores deveriam ter feito.

Bear With Me é a história de Amber, uma jovem que traz o seu detetive tedioso urso Ted E. Bear para sair da reforma, para resolver o mistério do que está acontecendo no mundo habitado de peluches de Paper City, incluindo incêndios, uma presença iminente conhecida apenas como o Homem Vermelho e o desaparecimento do irmão de Amber. Infelizmente nada disto importa no primeiro episódio porque tudo se resume a uma viagem que nos introduz as personagens principais. Aquilo que mais se destaca em Bear With Me é a atmosfera de filme noir, completa com um esquema de cores preto e branco e um toque ocasional de vermelho. O diálogo é bastante animado e funciona bem, principalmente a falas de Ted que conseguem misturar humor e o típico diálogo de Film Noir.

Uma vez que este episódio cobre apenas o que é essencialmente a introdução, os puzzles são incrivelmente básicos e não são particularmente desafiantes, como simplesmente mover uma estátua para obter uma senha e depois existe ainda um outro que apenas se torna um pouco mais desafiante porque não obedece às leis da lógica. Se a dificuldade for para se manter então mais valia Bear With Me não ter puzzles e ter optado por algo mais próximo dos jogos da TellTale, se for para aumentar então também não faz sentido por se tratar de um jogo episódico onde a dificuldade se deveria manter constante no decorrer da temporada.

O primeiro episódio de Bear With Me ainda sugere um jogo maior está para chegar, com visuais bastante agradáveis. Mas, infelizmente não consigo ter a certeza sobre isso com este episódio porque esta é para todos os efeitos uma demo, ou nem sequer perto disso está, com um conteúdo que além de curto, se foca apenas no início do jogo. O meu conselho é simples, esperem para que mais conteúdo seja lançado.

Tiago Roque

Leave A Comment