Análise: Epic Tavern

O Epic Tavern é um RPG  de geStão de tavernas e aventuras actualmente em Early Access on Steam sendo desenvolvido pela Hyperkinetic Studios que simula o funcionamento de um RPG de mesa. A ideia para a Epic Tavern é que o jogador administre uma taverna onde aventureiros de todos os tipos vêm à procura de riquezas. Muitos RPGs ensinaram-nos que a taverna é o local se encontra um grupo para as mais loucas aventuras e Epic Tavern pega nessa ideia e expande-a num jogo criativo que apesar de não estar completo se encontra num estado já avançado de desenvolvimento. Como um jogo de gestão, o jogador tem que manter a taverna a funcionar para atrair clientes. O jogador tem comida e bebida para vender e hospedagem para oferecer. Eventualmente, temos de actualizar certos aspectos da taberna para melhorar as ofertas aos clientes, mas temos que fazer tudo isto enquanto nos preocupamos com os elementos RPG do jogo, encontrar aventureiros para o nosso grupo e realizar aventuras.

A gestão da taberna é ditada pelo tempo que vem na forma de Pontos de Ação. O jogador tem um número definido todos os dias para jogar, portanto, há alguma estratégia envolvida em como escolhe usá-los. Oferecer comida, bebida e acomodação aos clientes exigirá uma pequena quantidade de AP, que por sua vez, melhorará o relacionamento com esse patrono e também adicionará alguma moeda ao banco. As provisões não são ilimitadas, portanto, garantir que esteja abastecido será importante.

À medida a relação com cada aventureiro melhora, o jogador terá a opção de recrutá-lo. O grupo inicial começará pequeno, mas à medida que a taberna sobe de nível, podemos aumentar o número de aventureiros. Depois que a fase de gerênciamento da taverna chegar ao fim, o jogador poderá enviar esses aventureiros para missões em uma lista de missões disponíveis. Essas missões são fornecidas conversando com os clientes na taverna e desenrolam-se como se de uma mini campanha de Dungeons & Dragons se tratasse, completa com narrativa de história e lançamento de dados.

Cada aventureiro que o jogador encontra tem um conjunto de habilidades, e essas habilidades são o meio pelo qual conseguimos equilibrar o grupo. Existem 4 habilidades principais, combate, social, sobrevivência e mente e equilibrar o grupo é importante para concluir com sucesso o objetivo de cada missão. Ter um grupo com estatísticas altas de combate apenas por exemplo irá fazer com que eles consigam dar cabo dos inimigos que apareçam mas sem habilidades de sobrevivência irão ter dificuldade em completar as missões ou chegar demasiado fracas. O estilo narrativo é divertido e parece ser gerado aleatoriamente, o que neste caso acaba por ser um bónus.

Como referi anteriormente,  Epic Tavern está ainda em Early Access mas as ideias são sólidas, e acho que o resultado final é muito promissor. Apesar de ainda não estar terminado o estado do jogo já é passível de ser analisado e existe conteúdo suficiente para entreter qualquer jogador e para justificar o investimento.

Tiago Roque

Leave A Comment