Análise: Wild West Online

Quando o maior trunfo de um jogo é ser tipo uma outra coisa qualquer mas para uma plataforma qualquer que essa coisa não existe, normalmente, o jogo não presta ou é bastante inferior ao jogo que diz ser parecido. O mesmo acontece com os jogos que vão ser o próximo Halo, CoD, Minecraft e outras coisas quaisquer. Wild West Online é tipo Red Dead 2 Online mas para PC e não, não é a excepção a esta regra, é a própria definição do pior caso possível.

Wild West Online foi apresentado depois do anúncio da sequela de Red Dead Redemption da Rockstar e foi recebido com algum entusiasmo, pelo menos até os primeiros detalhes começarem a sair e depois de terem saído apenas um nome inundava as cabeças dos jogadores mais atentos, a de Sergey Titov. Os jogadores mais atentos conhecem o nome de Sergey Titov pelas polémicas em torna de The War Z e de Big Rigs, sendo Big Rigs considerado o pior jogo de sempre. Mas os criadores de Wild West Online rapidamente desmentiram que Sergey Titov estivesse envolvido e que apenas tinham licenciado o motor de jogo de The War Z, o que por si não é mau, mas  como os únicos jogos a utilizarem esse motor tinham a mão de Sergey Titov esse informação não descansou os jogadores e com razão.

Comecemos pelo básico. Wild West Online é um MMO no oeste americano ao estilo Red Dead com um sistema de progressão muito ao estilo de The War Z. Com quests bastante simples e muitas arestas por limar Wild West Online está num estado onde muitos outros jogos em Early Access estão em termos de desenvolvimento, apenas com um pequeno problema, Wild West Online não está em Early Access.

É realmente cedo que começamos a chegar à conclusão que mesmo dando o benefício da dúvida aos criadores de Wild West Online e mesmo que as suas intenções fossem as melhores no início, este jogo foi apressado para que os jogadores que morriam de vontade de jogar algo parecido com Red Dead Redemption no PC aderissem ao jogo o mais depressa possível. Tudo no jogo está preso por fios e resumido ao mínimo possível e quando digo tudo quero dizer TUDO. A criação de personagem é fraca e a maioria das opções estão bloqueadas, o sistema de progressão está num estado melhor do que o resto mas limita-se a uma árvore simples, as quest são tão básicas que na maioria das vezes nem temos de sair da zona, o combate é fraco e mesmo as animações limitam-se ao básico. Dando alguns exemplos do que descrevi temos por exemplo as quests de recolha de pelo em que podemos simplesmente criar uma armadilha para animais e esperar que um animal fique preso e ver se é o animal certo. Aparentemente os animais neste jogo são maioritariamente invisíveis. E outro exemplo é simplesmente trocar de direcção no cavalo com o animal parado e ver que simplesmente flutua no mesmo sítio.

Wild West Online está num estado tão embrionário que não existe um jogo propriamente dito. Podemos evoluir o nosso equipamento e cumprindo algumas quests até sermos fortes o suficiente para matar os jogadores de nível baixo, algo que envolve aguentar o sofrimento de sofrer exactamente isso durante horas. Morrer não é permanente e resume-se a respawn na cidade. Wild West Online resume-se a isto neste momento. Não existe endgame não existe um propósito e mesmo aquele que podemos criar nós próprios é limitado pela falta de conteúdo do mapa do jogo. Não havendo nada para fazer e estando o jogo tão incompleto por esta altura apenas posso classificar este jogo como um money grab que irá desaparecer depois de dar algum lucro e que dificilmente pode ser descrito como algo mais do que scam. Fiquem longe.

Tiago Roque

Leave A Comment