Análise: Blacksea Odyssey

Blacksea Odyssey é um twin shooter espacial onde a cada década, quatro caçadores se reúnem para se mostrarem como o superior sobrevivente. O jogador começa por não ter grandes recursos mas ao derrotar os bosses do jogo vai desbloquear os caçadores mais fortes com muitos bónus únicos.

A caça é o foco principal do jogo e a jogabilidade resume a isto. O analógico esquerdo voa em torno do vazio de cima para baixo, enquanto o direito aponta as armas. Estas são disparadas com o R2 e segurar e soltar o L2 fará com que se lance um arpão que pode trancar os inimigos e arrastá-los. Infelizmente as suas lanças não têm o impacto que se espera de um jogo destes, o que o torna muito menos satisfatório do que deveria.

Aprender a dominar o combo do arpão e lança é o que nos permite ter sucesso do jogo. Rasgar segmentos das criaturas com o arpão proporciona um barulho satisfatório, mas não parece alterar o movimento deles tanto quanto se espera. Além disso, os inimigos parecem sofrer muito mais danos do que deviam e eliminar as criaturas acaba por se tornar uma tarefa. Isso não quer dizer que não seja satisfatório tirar os membros dos inimigos e alterar os seus movimentos mas com o tempo cansa.

Felizmente Blacksea Odyssey maximiza seu loop de jogabilidade limitado, fazendo com que o combate pareça francamente divertido. Não podemos no entanto esperar muito mais além desse loop de jogabilidade. Além da cena de abertura, Blacksea Odyssey não traz muita variedade narrativa com a construção das personagens ocorrendo através de caixas de diálogo estáticas entre recompensas. Os bónus reais que ganhamos no jogo podem ser acedidos ​​abrindo um dos vários baús de ouro espalhados pelo cenario, que só podem ser arrombados com a obtenção de uma chave de um inimigo de alto nível. Esses baús geralmente contêm um punhado de ouro e uma ou duas vantagens que aumentam suas estatísticas. Os jogadores que acelerem durante as primeiras etapas podem ter falta de fundos, porque podem enfrentar o boss assim que quiserem. Ao acompanhar o mapa do sonar no canto inferior direito do ecrã podem acompanhar onde os inimigos provavelmente vão aparecer e onde a recompensa do nível está à espreita.

Visualmente o jogo é colorido e a banda sonora frenética acaba por melhorar o ritmo do jogo. Juntamente com o número enorme de coisa para desbloquear do jogo o resultado final é bastante interessante, apesar de nunca cumprir todo o seu potencial graças à jogabilidade que parece ficar a meio das ideias. Existe aqui um bom conceito que nunca sequela poderá estar mais desenvolvido mas pelo preço de venda razoavelmente barato, Blacksea Odyssey faz um bom trabalho.

Tiago Roque

Leave A Comment