Entrevista a Mattias Nygren, CEO dos estúdios Tarsier

O CEO dos estúdios Tarsier , Mattias Nygren, responsáveis por LittleBigPlanet PS Vita, ocupou alguns minutos para responder a algumas perguntas do Combo Caster. Desde a liberdade que lhes foi dada pela Media Molecule até ao futuro da companhia não deixem de ler a nossa primeira entrevista nem de ler a nossa análise a LBP.

Quanta liberdade tinha a Tarsier para criar um jogo com LBP, em que as mecânicas e design são já tão familiares aos jogadores?

Foi-nos dada rédea livre ao desenvolver LittleBigPlanet para a PS Vita. No entanto tendo trabalhado com o franchise já à algum tempo e sendo nós próprios fãs, nós próprios sabíamos da importância de manter a integridade do universo de LittleBigPlanet intacta.

-Com as novas funcionalidade da PlayStation Vita, nós também criamos uma vasta variedade de ferramentas de jogo para completar e nivelar as ferramentas e mecânicas já existentes.

Qual a importância da Media Molecule neste projeto?

Quando a Media Molecule passou a responsabilidade do próximo jogo na série, pediu-nos para os manter informados e ir mostrando o nosso progresso sempre que conveniente, mas para nunca esperar permissão para nada. Portanto, fizemos algumas viagens até Guildford para lhes dar feedback e obter algumas informações mas a pedido deles próprios não os envolvemos demasiado.

LBP adapta-se à Vita como nenhum outro jogo, foi necessário forçar alguma das mecânicas da jogabilidade para se adaptarem à consola ou tudo ocorreu naturalmente?

Novamente, nós sabíamos da importância de manter a integridade do universo de LittleBigPlanet intacta e não alterar o que não está estragado. Em vez disso concentramo-nos em encontrar áreas onde as novas funcionalidades podiam melhorar a experiência de diferentes maneiras.

As funcionalidades de toques são um bom exemplo, porque conseguimos utiliza-las em várias áreas sem comprometer a experiencia base mas sim trazer uma jogabilidade inovadora ao modo estória, interações mais rápidas no modo de criação e a potencialidade para criar qualquer jogo baseado em toque portátil que quiserem.

LBP para a Vita é o primeiro jogo da série a ter uma verdadeira estória, porque é que sentiram a necessidade para isso?

É bom ouvir isso, o nosso designer narrativo Dave vai ficar contente!

Muitas vezes tendemos a ouvir falar sobre novas funcionalidade e que tipos de jogos se consegue criar com novas ferramentas, mas os jogos LittleBigPlanet sempre foram aventuras de plataformas soberbas e não queríamos que LittleBigPlanet para a Vita fosse menos do que isso. Muita paixão e energia foi direcionada para criar um inesquecível elenco de Curators, novos mundos e um novo planeta e talvez um mistério um pouco mais sombrio para o Sackboy descobrir durante a campanha.

Quanto tempo ficaram os recordes da equipa nas leaderboards?

Haha, não muito!

The City of Metronome ainda está vivo?

City of Metronome foi o conceito em volta do qual a equipa original de fundadores criou a companhia. E aquilo que mais encantou as pessoas em City of Metronome – Gameplay inovador, visuais de alta qualidade e uma estranha e escura atmosfera – é algo que sentimos que se pode reconhecer em tudo o que fazemos, com LittleBigPlanet PS Vita incluído.

Por isso, independentemente do que iremos fazer a seguir, e se faremos ou não o jogo City of Metronome, podemos garantir que o espirito desse primeiro conceito, continua a vivo e irão encontrar vestigios disso em tudo o que iremos fazer.

Tiago Roque

Leave A Comment