Análise: Batman -The Telltale Series: Episode Four – Guardian of Gotham

O penúltimo episódio de Batman da Telltale começa um pouco depois do final do anterior, dando tempo suficiente para não sabermos exatamente o que se passou desde que conhecemos a identidade de Lady Arkham e ela nos injectou com a droga que tem andado a usar por Gotham.

Quando voltamos a Bruce este encontra-se em Arkham Asylum, podendo o jogador deduzir que as coisas não devem ter corrido bem a Bruce. É aqui que ficamos a saber que depois do episódio anterior basicamente Bruce deu uma valente sova em Cobblepot. É também aqui que conhecemos Joker pela primeira vez, uma versão bastante jovem e menos louca de Joker pelo menos. Se há uma personagem que parece bastante deslocada do material de origem é este Joker, ou pelo menos é aquela que é mais icónica e portanto mais fácil para mim ver as diferenças.

Neste episódio Harvey assume-se definitivamente como um dos vilões desta primeira temporada, tentando controlar Gotham pela força deixando de parte todas as boas qualidades que tinha e abrindo uma guerra aberta a Bruce Wayne numa raiva desencadeada pela sua visita ao apartamento de Selena onde a encontrou com Bruce.

O ritmo deste episódio é alto, ao aproximar-se do climax final, começamos a ver algumas falhas neste novo jogo da Telltale. Novamente fazendo a comparação com a primeira temporada de The Walking Dead, os jogos subsequente da Telltales todos eles pecavam por não terem impacto emocional, apesar de algumas personagens interessantes, não consegui criar grandes laços emocionais com nenhuma delas, talvez excepto Harvey.

 

Tiago Roque

Leave A Comment