Antevisão: Sociable Soccer

Sensible Soccer é um dos maiores clássicos dos videojogos de futebol. Apesar de não ter jogado os originais na Amiga a sua popularidade é conhecida, tendo até direito a uma versão no PC relativamente recente. Apesar de a versão de 2006 não ter tido de longe nem de perto o sucesso do jogo original, a realidade é que Sensible Soccer continua a ter uma série de seguidores que consideram este um verdadeiro jogo de culto.

Aquilo que tanto este novo Sociable Soccer como os originais têm em comum é Jon Hare, o principal responsável da série que inspirou esta sucessor espiritual chamado Sociable Soccer. Sociable Soccer tem aliás uma história um pouco contorbada. A ideia era que Sociable Soccer tivesse devido a sua existência a uma boa campanha no Kickstarter, mas a realidade é que o jogo acabou por ser um verdadeiro flop nessa plataforma, acabando por ver a luz do dia na mesma e o resultado é um lançamento em formato Early Access na Steam.

Sociable Soccer no seu estado actual tem sobretudo a jogabilidade clássica que os fãs tanto gostam. Uma jogabilidade completamente arcade e uma velocidade impressionante, este é o jogo de futebol mais frenético que podem jogar. Os controlos são precisos e isso é essencial para um jogo destes onde temos de tomar decisões em milésimos de segundo, passar constantemente a bola, cortar linhas de passe, enquadrar o remate e depois controlar a bola e a força do remate. Tudo neste jogo é feito a uma velocidade estonteante e isso é a razão porque é tão intemporal.

Em termos de conteúdo o jogo contém já uma quantidade enorme de equipas e jogadores. Infelizmente nada aqui é licenciado. Temos o Porto, o Porto A que é o Boavista, o Lisboa A e B que são o Benfica e Sporting e depois todos os jogadores também têm nomes alterados, um pouco semelhante como o que acontecia com Pro Evolution Soccer à alguns anos. No Porto por exemplo temos o Otivar, Melcano e Blehimi e nas outras equipas todos os jogadores têm nomes relativamente fáceis de identificar, mas alguns estão de tal forma alterados que não faço ideia de quem sejam.

Disponíveis estão também alguns modos de jogo. Além de ligas e torneios onde está incluída a liga portuguesa, está presente o modo treinador. Este modo joga-se exactamente como os restantes mas tem alguns diálogos introdutórios e alguma progressão com cenários e dificuldades específicos, trazendo alguma diversidade ao jogo apesar de no jogo não existir qualquer variedade.

Aquilo onde Sociable Soccer requer muito trabalho é nas áreas técnicas. O jogo tem pouco tem e nesse curto espaço de tempo já foi actualizado algumas vezes porque a quantidade de bugs é simplesmente mastodôntica. Com esta ultima actualização deixei de ter problemas com os jogadores a não correrem até à bola sair de campo, mas antes do ultimo patch em alguns jogos os jogadores simplesmente deslizavam pelo campo e quando a bola saía precisava de pausar o jogo e clicar em continuar para o jogo prosseguir. Apesar de as animações estarem mais estáveis o outro problema que referi mantém-se e está até pior, sendo preciso ir ao menu de pausa e clicar em voltar para o menu no final de cada jogo pois ele simplesmente para e nada acontece. Todos estes problemas são tão óbvios que não tenho duvida nenhuma que serão resolvidos. No seu estado actual o jogo não deixa de ser divertido. Se são fãs irão certamente adorar fazer parte do desenvolvimento e dar ideias e ajudar a equipa. Caso contrário e apenas tenham curiosidade eu aconselharia esperar mais algum tempo.

Tiago Roque

Leave A Comment