Análise: Oh…Sir!! The Insult Simulator

Oh…Sir!! The Insult Simulator é um jogo bastante dificil de caracterizar, sendo bastante mais simples para mim simplesmente descrever o jogo do que tentar integrá-lo num género. Em Oh…Sir!! The Insult Simulator o jogador é colocado numa situação pouco confortável em que entra em confronto com outra personagem. No entanto tal como o nome indica não se trata de um confronto físico mas sim de confronto em forma de diálogo em que ambos os lados se insultam um ao outro.

Existem várias personagens no jogo e apesar de ser um conceito simples, existe profundidade suficiente na jogabilidade para que esta escolha signifique algo. Aquilo que salta imediatamente à vista assim que começamos a jogar é o aspecto do jogo. Apesar de ser discutível, a verdade é adorei o aspecto. Cada personagem tem sempre um ar britânico e o humor do jogo, que diga-se de passagem é fenomenal, remete-nos também para uma espécie de tributo aos Mounty Python.

Depois de escolhermos uma personagem e escolhermos um cenário começamos realmente a jogar. No que toca a gameplay puro e duro, Oh…Sir!! The Insult Simulator resume-se a escolher palavras para formar uma frase que sirva para ofender o outro jogador, no entanto a profundidade do jogo é superior a isso. Cada personagem tem um ponto fraco, cabendo ao adversário encontrar qual é para depois conseguir infligir mais dano ao adversário. Além dos pontos fracos de cada um existem ainda combos como por exemplo insistir várias vezes seguidas no mesmo assunto.

Apesar de simples o jogo consegue tornar-se complicado. O primeiro ponto problemático é a língua. Sendo um jogo em inglês e onde o texto tem um papel central não deverá ser fácil para todos os jogadores conseguirem jogar e mais importante do que isso aproveitar o jogo e o seu fantástico sentido de humor. É importante saber inglês para conseguir sequer pontuar uma vezes que as frases têm que ser bem construídas, mesmo que nem sempre façam sentido e esse é um dos problemas que queria abordar.

A variedade das palavras poderia ser um pouco maior em Oh…Sir!! The Insult Simulator. Nem sempre as frases construídas fazem sentido e mesmo algumas ideias são repetidas várias vezes. O maior problema acabam por ser as frases que não fazem sentido. O jogo desenrola-se por turnos, com ambos os jogadores a retirarem palavras de uma lista comum, acabando a ronda quando os jogadores estiverem contentes com o resultado ou um dos jogadores perder com um humilhante humm.. ahaaa… Além da lista comum existem duas palavras pessoais que cada jogador pode usar, assim como uma habilidade que refresca as duas palavras,  no entanto por vezes acabamos verbos tanto nas duas palavras próprias como na lista comum e precisamos um nome de um objecto. Além disso por vezes o que nos aparece e podemos usar é algo do género, a tua sogra é um carro que está apaixonado pelo seu ego ou algo do género ou pior que não faz qualquer sentido.

Tiago Roque

Leave A Comment