Análise: Seabed

SeaBed é um conto de amigos de infância que se transformaram em amantes, Mizuno Sachiko e Takako, que agora foram separados por alguma estranha circunstância que nenhum dos dois se consegue lembrar. Narasaki Hibiki é o simpático psiquiatra que se encarrega de esclarecer a situação. Juntos, mas também separadamente, todos os três vivem as suas […]

LER MAIS
Análise: Detroit: Become Human

A Quantic Dream pode não produzir os jogos mais populares do mercado mas têm uma legião de fãs forte e um mercado muito próprio. A sua abordagem aos videojogos é muito própria e o resultado final de cada um dos seus jogos embora fique aquém do potencial é sempre uma experiência gratificante que não oferecendo muito […]

LER MAIS
Revelados os primeiros ratings dos jogadores para FIFA 19

Além de um video promocional que marca as revelações, foram também revelados os 20 últimos jogadores do top 100, sendo os restantes revelados mais tarde. O top de jogadores classificados (100-81) inclui muitos dos melhores jogadores de futebol de todos os tempos, como: #98 Zlatan Ibrahimović – Los Angeles Galaxy #91 Koke – Atlético Madrid #90 […]

LER MAIS
Análise: VROOM KABOOM

Com Mad Max: Fury Road como principal inspiração, VROOM KABOOM usa principalmente um conceito interessante. Misturando conceitos de Tower Defense, jogo de condução e jogo de cartas para criar um conceito único, VROOM KABOOM é um daqueles jogos que tem tudo para não funcionar no papel, mas  o resultado final é bastante agradável. O jogo […]

LER MAIS
Análise: Memories of Mars

O género sobrevivência é um dos mais fortes atualmente no mercado. Depois do sucesso que foi DayZ e tudo o que daí veio e com o culminar na febre dos Battle Royale, o género é o mais popular mas também é dos mais complicados de ter sucesso, o esse sucesso neste momento a ser divido […]

LER MAIS
Análise: Cyberdimension Neptunia: 4 Goddesses Online

A saga Neptunia cresceu de uma forma completamente descontrolada nos últimos anos e com sequelas, spin-offs e ports a Idea Factory e a Compile Heart não têm realmente mãos para tanto trabalho. Os criadores ganharam portanto o hábito de reutilizar assets existentes para detalhar o restante do novo conteúdo que entra nos novos títulos. Até os maiores […]

LER MAIS
Análise: Wreckfest

Wreckfest é uma espécie de sequela espiritual de FlatOut, um jogo de corridas de destruição e de que gosto bastante. As corridas em Wreckfest são frenéticas sem nunca atingir o grau de irrealismo de Motorstorm por exemplo. O realismo é uma espécie de realismo qb bastante arcade que além de permitir uma abordagem sempre muito […]

LER MAIS
Análise: The Meg

Os filmes de tubarões são um verdadeiro subgénero cinematográfico que vai variando de popularidade durante os anos e apesar de recentemente ter gozado de alguma graças a filmes como Sharknado, está longe de ser popular nas grandes salas atualmente. Meg conta com algumas caras conhecidas, especialmente Jason Statham que empresta a sua seriedade e factor macho alfa […]

LER MAIS
Análise: Hand Of Fate 2

O primeiro Hand of Fate foi uma das experiências mais inovadoras que tive no últimos anos. Com isto não quero dizer que tenha sido uma experiência perfeita, até porque jogar o primeiro Hand of Fate foi em muitos casos frustrante com alguns problemas de jogabilidade e conseguir completar algumas das missões foi por vezes bem […]

LER MAIS
Análise: Pit People

A Behemoth é um dos estúdios mais influentes dos últimos anos, assim como um dos mais consistentes na cena indie. Os seguidores da Behemoth reconhecem a arte desenhada à mão dos seus jogos a milhas e eles conseguem manter-se constantes em jogos muito diversos. Apesar de parecerem iguais, todos têm a sua própria identidade em diferentes […]

LER MAIS